.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Maio 2018

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. O VERDADEIRO E O MENTIROS...

. SAUDADES DUMA VELHINHA

. MEU DEVANEAR

. DO VENTO NORTE ME LEMBREI

. AVE SOLITÁRIA

. ESCRAVO DA AMBIÇÃO (O EGO...

. A SUPORTAR O MAL

. OLHANDO O SEU PASSADO

. AMOR É DOCE MOSTO NUM SER

. DISCURSOS SÃO PALAVRAS BU...

.arquivos

. Maio 2018

. Janeiro 2018

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Setembro 2016

. Fevereiro 2016

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Janeiro 2015

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Março 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

.favorito

. INTRANQUILO

blogs SAPO

.subscrever feeds

Sábado, 25 de Dezembro de 2010

NO MEU BAIRRO NASCEU MINHA POESIA

 

 O meu bairro lembra um lindo monte

Com galinhas e galos a cantar

Cães sem tino p'las ruas a ladrar

Cegonhas planando no seu horizonte

 

Pardais e pombos sem que nada os afronte

Irrequietos sobre o casario a voar

Gatos p'los telhados a deambular

Água cristalina a brotar duma fonte

 

Junto a chafariz grandioso

Que um monarca famoso

O Magnânimo, mandou construir,

 

O meu bairro é povo harmonia

Nele m'inspirei e nasceu minha poesia

Verdade que me limito a colorir

 

            João M. Grazina (Jodro) 

publicado por CAMAGE às 14:28

link do post | comentar | favorito
Domingo, 19 de Dezembro de 2010

QUÃO BEM FICA A BRINCAR!

 

 Criança brincando por aí como que esvoaça

Tal borboleta de flor em flor

Como ela a irradiar divina graça

 Que de ternura nos enlaça

A incutir nos corações amor

 

A brincadeira é o seu entretimento

A que se dedica com alegria

Em qualquer altura ou momento

Desejável e adorado divertimento

Que lhe enche as horas do dia

 

E corre, salta e gesticula,

Com inocente e genuína afeição

Próprio da idade ainda imatura

Que a domina enquanto dura

Fantasiosa e querida distracção!

 

Pequenina encantadora

A pureza a faz magnífica

A saltitar pela vida sonhadora

Simplesmente bela sedutora

A brincar delirante, quão bem fica!

 

          João M. Grazina (Jodro)

publicado por CAMAGE às 15:29

link do post | comentar | favorito
Domingo, 12 de Dezembro de 2010

A UMA LINDA MULHER

 Ver imagem em tamanho real

 

 

 

 

 

  

Esbelta caminha p'la rua

Sedutora, infinitamente bela,

Todos os olhares ficam presos nela

Em todos seu encanto se insinua

 

Graciosa parece que flutua

Sobre seus pequenos pés, tal cinderela,

E irradia doce sorriso que revela

Uma suavidade genuinamente sua

 

Ostenta lindos olhos cristalinos

Lábios divinais purpurinos

Nariz levemente arrebitado

 

Num níveo rosto sublime

Que tanto encantamento exprime!

Que é por todos em êxtase olhado

 

            João M. Grazina (Jodro) 

publicado por CAMAGE às 16:10

link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
Domingo, 5 de Dezembro de 2010

POESIA CAMPO EM FLOR

 

   Na poesia gosto de me embrenhar

Como se por um campo em flor

Aspirar inebriante perfumado odor

  Do corpo divino a exalar

 

Em seu colo encantado ficar

Docemente subjugado a esse amor

Beber o elixir de seu seio com ardor

Para meu estro de versos vivificar

 

Usufruir sua delicada afectividade

Sua graça sua generosidade

Para um estilo poético grandioso

 

Pleno de eloquência me conceder

Para belos poemas conceber

E ofertá-los a todos amistoso

 

            João M. Grazina (Jodro)

publicado por CAMAGE às 17:02

link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito